A produção e as vendas de minério de ferro e pelotas pela Vale bateram recordes no terceiro trimestre, em meio a um aumento das atividades na importante mina S11D, no Pará, informou a companhia nesta segunda-feira ao mercado, reafirmando sua meta de produzir 390 milhões de toneladas de minério neste ano

 

A maior produtora e exportadora global de minério de ferro vendeu 83,976 milhões de toneladas da commodity entre julho e setembro, alta de 9,4 por cento ante igual período de 2017, mostrou a empresa em relatório trimestral publicado ao mercado.

Os volumes de venda de minério de ferro e pelotas somados totalizaram 98,226 milhões de toneladas no terceiro trimestre, alta de 9,2 por cento em relação a um ano antes.

“O mix de vendas tem melhorado consistentemente principalmente como resultado dos ramp ups do S11D e das pelotizadoras I e II de Tubarão”, disse a Vale, no relatório.

A produção de minério de ferro da Vale, por sua vez, quebrou a emblemática barreira de produção de finos de minério de ferro de 100 milhões de toneladas em um trimestre, alcançando o novo recorde de 104,9 milhões de toneladas no terceiro trimestre.

No caso do níquel, a Vale vendeu 57,3 mil toneladas no terceiro trimestre, queda de 19,6 por cento ante o mesmo período do ano passado. Já a produção alcançou 55,7 mil toneladas no período, uma queda de 23,4 por cento na mesma comparação.

 

Por Marta Nogueira

Fonte: Reuters

Veja também  Dólar cai abaixo de R$3,60 com Bolsonaro eleito presidente

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: