Com a entrada do produto de Goiás em São paulo, os preços despencam na Ceagesp

 

As cotações do tomate salada longa vida seguem em queda no atacado paulistano, refletindo o aumento da oferta e a baixa liquidez.

Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, a Ceagesp vem recebendo grandes quantidades do tomate rasteiro de Goiás, que tem menor preço de comercialização, fato que acaba afetando os negócios de outras variedades, principalmente do salada longa vida.

Nesse cenário, entre 14 e 18 de agosto, os tomates salada longa vida 2A e 3A tiveram médias de R$ 22,19 e de R$ 31,91 por caixa de 20 kg na Ceagesp, respectivas quedas de 18,83% e de 27,49% frente às médias da semana anterior.

Fonte: Cepea

Veja também  Farelo de soja e celulose são destaques nas vendas externas em abril

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: