O suíno vivo negociado no mercado independente registrou ligeira valorização na maior parte das regiões acompanhadas pelo Cepea neste início de novembro

 

Segundo pesquisadores do Cepea, a alta esteve atrelada tanto ao período de início de mês, quando a procura costuma aumentar, quanto às expectativas de agentes diante da notícia de retomada das importações da carne suína brasileira pela Rússia – o país, que era o principal destino do produto nacional até novembro do ano passado, interrompeu as compras da proteína em dezembro de 2017.

Entre 31 de outubro e 7 de novembro, o preço do suíno vivo negociado na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba) subiu 0,7%, fechando com média de R$ 3,85/kg nessa quarta-feira, 7. Em Goiânia (GO), o animal teve valorização de 0,4%, sendo comercializado a R$ 3,80/kg nessa quarta.

 

Fonte: Cepea

Veja também  Suínos: Mercado registra queda semanal para o atacado

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: