Após receber boas chuvas em março, parte do Centro-Sul do Brasil vem tendo um começo de abril mais seco.

No oeste do Paraná, cerca de 20% das lavouras da segunda safra de milho estão pendoando e, depois de uma semana sem receber chuva, os produtores começam a ficar apreensivos, especialmente porque a previsão aponta poucos volumes para o resto do mês. No norte paranaense, o tempo também está mais seco, mas o solo ainda tem umidade e o milho ainda está em fase vegetativa. Em Mato Grosso do Sul e Goiás, maiores volumes de chuva seriam bem-vindos nas áreas que estão em início de fase reprodutiva.

Boa combinação em Mato Grosso

Em Mato Grosso, a alternância entre noites chuvosas e dias ensolarados tem garantido boas condições de desenvolvimento à safrinha. Nas regiões norte e oeste, as áreas mais adiantadas devem começar a colheita na segunda semana de maio.

Veja também  Plano ABC: Mato Grosso está entre os três estados que mais contrataram projetos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: