Crescimento da receita é de 21% em relação ao mesmo período de 2017. Ebitda ajustado proforma da Marfrig atinge R$ 918 milhões, crescimento 87%.

A Marfrig Global Foods, uma das companhias líderes de carne bovina do mundo, apresentou à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) seu resultado fiscal referente ao segundo trimestre de 2018.

Com uma plataforma de produção consolidada no eixo das Américas, a Marfrig passa a fornecer aos principais mercados consumidores do mundo – graças à execução de uma estratégia que envolveu a compra do controle acionário da americana National Beef, em abril deste ano. A segunda etapa da estratégia deve ser finalizada com a venda de sua subsidiária Keystone, cujo processo é de conhecimento do mercado.

Em decorrência da compra, os resultados da Marfrig, neste segundo trimestre, são apresentados como proforma, divididos em duas regiões: América do Norte e América do Sul.

No período entre abril e junho, a receita líquida proforma consolidada foi de 9,9 bilhões de reais, um aumento de 21% em relação ao mesmo trimestre do ano passado. Esse crescimento é decorrência, sobretudo, da forte demanda por carne bovina em nível global, que levou ao maior volume de abates, e da depreciação do real em relação ao dólar, fatores que compensaram o menor preço médio de vendas.

A reabertura de unidades de produção no Brasil e a maior oferta de gado, aqui e nos Estados Unidos, fizeram com que a Marfrig atingisse um volume total de abate de 1,8 milhão de cabeças, o que representa alta de 19% em relação ao segundo trimestre de 2017. O volume de abate poderia ter sido maior, não fossem os efeitos da greve dos caminhoneiros que, em maio, paralisou o país. Ainda que a companhia tenha adaptado rapidamente sua operação, cerca de 80 000 cabeças de gado deixaram de ser abatidas durante os dias de greve.

Veja também  Desempenho externo das carnes na primeira semana de abril

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortizações e depreciações) ajustado da Marfrig — também em base proforma — atingiu 918 milhões de reais, com margem de 9,2% — uma expansão de 87%, na comparação anual.

“Nos últimos anos, nos mantivemos empenhados em perseguir e consolidar uma situação de inquestionável sustentabilidade, em todas as dimensões”, diz Martín Secco, CEO da Marfrig Global Foods. “Chegamos, agora, a esse patamar. E manteremos nosso compromisso, daqui para a frente, com a expansão das margens e com a disciplina financeira.”

A MARFRIG PÓS-INTEGRAÇÃO

A Marfrig resultante do recente movimento estratégico de aquisição do controle da National Beef é uma companhia focada em bovinos, com uma configuração simplificada. Com 22 unidades de abate, distribuídas pelas Américas do Sul e do Norte, sete unidades de processamento, oito centros de distribuição e escritórios comerciais localizados na América do Sul, América do Norte e Ásia, a Marfrig torna-se a segunda maior produtora de carne bovina do mundo em capacidade de abate e passa a ter acesso aos maiores e mais rentáveis mercados consumidores do mundo.

Na nova configuração, que passa a valer a partir deste trimestre, os resultados da Marfrig Global Foods são divididos e apresentados em duas regiões:

América do Norte — Responsável pelo abate e processamento de carne bovina nos Estados Unidos. Sua produção é voltada para o mercado americano e para a exportação para países como Japão e Coreia do Sul. No segundo trimestre de 2018, a operação América do Norte foi responsável por uma receita líquida de 1,9 bilhão de dólares. Esse resultado significa um crescimento — em dólar — de 3,6% em relação ao mesmo período de 2017.

América do Sul — Responsável pelo abate e desossa de produtos de carne bovina no Brasil, Uruguai e Argentina e pela produção de alimentos processados como carne enlatada, beef jerky, molhos e sachês. Também responde pela venda de produtos aliados/complementares e de subprodutos originários do processo e pela distribuição e comercialização de produtos no Chile. Seus produtos são destinados ao mercado interno e exportados para diversos países. Entre abril e junho deste ano, a receita líquida da operação América do Sul foi de 2,9 bilhões de reais — crescimento de 33% em relação ao mesmo período de 2017.

Veja também  Dólar avança ante real olhando exterior antes de votação da Previdência

Sobre a Marfrig Global Foods

A Marfrig Global Foods é uma das companhias líderes na produção de carne bovina do mundo. Com operações no Brasil, Uruguai, Chile, Argentina e Estados Unidos, é reconhecida por sua atuação sustentável, mantém projetos pioneiros para preservação do meio ambiente e dos recursos naturais. A Companhia processa e comercializa carne in natura, pratos prontos à base de carnes bovina, produtos derivados da carne e couro para os mercados doméstico e internacional.

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.