O poder de compra de avicultores frente aos principais insumos da atividade (milho e farelo de soja) tem diminuído em janeiro em relação ao observado em dezembro

Segundo pesquisadores do Cepea, ainda que os preços do cereal e do derivado de soja estejam em queda, o movimento de baixa nos valores dos ovos tem sido mais intenso. Nesse cenário, em janeiro, o avicultor paulista consegue adquirir 116,70 quilos de milho com a venda de uma caixa com 30 dúzias do ovo tipo extra branco, 16% menos que o observado em dezembro de 2017, de acordo com dados do Cepea.

Frente ao farelo de soja, a queda no poder de compra é de 10,1%, com o avicultor conseguindo adquirir 62,14 quilos do derivado com a venda de uma caixa de ovos em Bastos.

Fonte: Cepea

Veja também  Brasil vai exportar ovos in natura e processados para África do Sul

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: