GeralNotícias

Influenza Aviária já alcança a 10ª Prefeitura do Japão

O pior surto de gripe aviária já registrado no Japão se espalhou para novas fazendas e agora afeta mais de 20% das 47 prefeituras do país, com autoridades ordenando abates após mais mortes de aves

O pior surto de gripe aviária já registrado no Japão se espalhou para novas fazendas e agora afeta mais de 20% das 47 prefeituras do país, com autoridades ordenando abates após mais mortes de aves

Cerca de 11 mil aves serão abatidas e enterradas após a descoberta da gripe aviária em uma granja de poedeiras na cidade de Higashiomi, na prefeitura de Shiga, no sudoeste do Japão, disse o Ministério da Agricultura no fim de semana.

Outro surto começou na prefeitura de Kagawa, onde o surto surgiu no mês passado, informou o ministério nesta segunda-feira.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

O surto no Japão e na vizinha Coreia do Sul é uma das duas epidemias de influenza aviária altamente patogênica (HPAI) que afetam as aves de produção em todo o mundo, de acordo com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO). Tanto a cepa que circula na Ásia quanto na Europa se originam em aves selvagens, informou o órgão.

“Geneticamente, o vírus encontrado no Japão está muito próximo dos recentes vírus coreanos e, portanto, relaciona-se ao vírus da Europa do início de 2020, não aos que circulam atualmente na Europa”, disse Madhur Dhingra, oficial sênior de saúde animal da FAO, à Reuters por e-mail .

“Isso significa que atualmente temos duas epidemias distintas de alta patogenicidade do H5N8 no leste da Ásia e na Europa”, disse ela.

A FAO emitiu um alerta às autoridades de saúde africanas para o aumento da vigilância das granjas para evitar a propagação da cepa europeia mais recente pela África.

No Japão, 10 das 47 prefeituras do país foram afetadas pelo surto, com cerca de 3 milhões de aves abatidas até o momento, um número recorde.

Todas as granjas avícola do Japão receberam ordens para desinfetar as instalações e verificar os sistemas de higiene, e garantir que as telas para impedir a entrada de pássaros selvagens sejam instaladas de maneira adequada, disseram funcionários do Ministério da Agricultura à Reuters esta semana.

O Japão suspendeu as importações de aves de sete países, incluindo a Alemanha.

O Japão tem um rebanho de poedeiras de cerca de 185 milhões de galinhas e uma população de frangos de 138 milhões de cabeças, de acordo com o Ministério da Agricultura.

Fonte: Ovosite

AGRONEWS BRASIL – Informação para quem produz

ABRALEITE
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo