Diárias de Mercado

Frango: veja preço do vivo e abatido

Desempenho do frango (vivo e abatido) na primeira semana de 2021

Desempenho do frango (vivo e abatido) na primeira semana de 2021

Como de praxe, o início de novo ano não foi nada favorável ao frango abatido. Nos quatro primeiros dias de negócios de 2021 (4 a 8 de janeiro) só ocorreu breve reação na segunda-feira, dia de reposição de estoques. Na sequência, foi um retrocesso contínuo, fazendo com que o período fosse encerrado. com queda de preço de, praticamente, 8% em relação aos últimos negócios de 2020.

Siga-nos no facebook e instagram

Infelizmente, pois, nada fora do corriqueiro. Que, pior ainda, tende a se agravar à medida que o mês avança, porque – é forçoso relembrar – estamos naquele período em que o consumidor, economicamente esgotado devido ao período de Festas, se depara com novos aumentos e as velhas obrigações financeiras de todo início de ano (IPVA, IPTU, material escolar etc.).

O frango vivo, obviamente, está inserido no mesmo panorama. Mas, repetindo o mesmo comportamento de 2020, permanece com sua cotação inalterada desde meados do ano passado, embora parte dos negócios efetivados esteja sendo realizada com descontos que variam conforme a necessidade e os interesses de vendedores e compradores.

Entenda a importância das vitaminas D e K₂ durante pandemia COVID-19

É, sem dúvida, uma situação de difícil sustentação, o que significa dizer que baixas podem ocorrer a qualquer momento.

Por ora, o preço médio de referência do frango vivo – R$4,30/kg no interior paulista (em Minas Gerais, R$4,25/kg) – corresponde a uma baixa de 3,59% sobre dezembro último e a um incremento de 35,22% sobre o mesmo mês do ano passado (quando sofreu baixa já no final do período).

O frango abatido, por seu turno, registra média de R$5,43/kg, valor apenas 1,12% superior ao de dezembro último e 21,21% acima do alcançado em janeiro de 2020. Mas tais incrementos tendem a sofrer redução, visto estarmos próximos do encerramento da primeira quinzena do mês.

Fonte: Avisite

AGRONEWS BRASIL – Informação para quem produz

ABRALEITE
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo