O mercado de carne bovina no atacado acumula, nas três últimas semanas de janeiro, 4,0% de desvalorização, devolvendo toda a alta ocorrida desde a última semana de novembro de 2017

Segundo levantamento da Scot consultoria, o preço médio dos cortes de dianteiro, R$10,41/kg, é o menor desde abril de 2015.

Estes são sinais claros de que o consumo interno emperrou, já que as exportações, por enquanto, estão praticamente iguais às de janeiro do último ano. Tem sido preciso reduzir as cotações para tentar girar o estoque.

Não é provável que ocorra reação de consumo no curto prazo. Pode ser que nos últimos dias úteis, quando normalmente há reposição de estoque por parte dos varejistas, as vendas apresentem alguma melhora.

Mas, de forma geral, isso indica ao pecuarista que a pressão baixista é um cenário a ser considerado no mercado do boi gordo.

Fonte: Scot Consultoria

Veja também  Soja: Inicia semana ainda atuando com variações limitadas em Chicago

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: