As cotações do café robusta estão em queda no mercado brasileiro

Até o dia 13, o Indicador CEPEA/ESALQ do robusta do tipo 6 peneira 13 acima teve média de R$ 307,40/saca de 60 kg, 3,7% menor que a de fevereiro (R$ 319,13/sc) e 31,1% abaixo da de março/17 (quando a média real foi de R$ 445,98/sc).

Conforme colaboradores, as cotações têm sido pressionadas pela aproximação da colheita da safra 2018/19, que deve se iniciar no final deste mês em Rondônia, o segundo maior produtor de robusta no Brasil. Quanto ao arábica, as negociações têm seguido em ritmo ainda mais lento que as de robusta, visto que muitos compradores só devem adquirir bons volumes do grão com a entrada da safra 2018/19.

Os atuais preços de comercialização também afastam produtores do mercado, que continuam retendo suas mercadorias nas propriedades e cooperativas.

Fonte: Cepea

Veja também  IBGE: Safra de café 2017 tem revisão para cima para conillon

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: