Diárias de Mercado

Café: cotações seguem com leves quedas nesta 2ª feira na Bolsa de NY

O mercado futuro do café arábica iniciou a semana com leves técnicas na Bolsa de Nova York (ICE Future US)

No início desta segunda-feira (4) as cotações registravam baixas de até 30 pontos.

Por volta das 09h14, o contrato com vencimentos em dezembro/19 tinha queda de 30 pontos e era negociado a 103,70 cents/lbp. Março/20 registrava queda de 25 pontos e cotado a 107,30 cents/lbp, maio/20 registrava queda de 25 pontos, sendo negociado a 109,40 cents/lbp e julho/20 tem queda de 25 pontos e era cotado a 109,40 cents/lbp.

Na sexta-feira (1), a imprensa internacional continuava destacando as previsões do tempo para o Brasil. O site Barchart reportou, mais uma vez, informações da Somar Meteoreologia.

“As preocupações com a safra brasileira são otimistas para os preços do café, depois que os dados da Somar Meteorologia de segunda-feira mostraram que as chuvas em Minas Gerais, a maior região produtora de café arábica do Brasil, mediam 13,9 mm na semana anterior, apenas 37% da média histórica”, afirmou o site.

Também na sexta-feira, no Brasil, o mercado acompanhou o exterior e também registrou algumas variações altistas nesta sexta-feira.

O tipo 6 duro teve o maior valor de negociação registrado em Guaxupé/MG R$ 445,00, com alta de 1,14%. Em Poços de Caldas/MG a alta foi de 1,18% e o preço estabelecido em R$ 430,00. Em Franca/SP foi registrada a maior variação, com alta de 2,35% e preço estabelecido por R$ 435,00.

Por AGRONEWS BRASIL – Fonte: Notícias Agrícolas

Etiquetas
Continuar lendo

Comente esta matéria

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar