De um lado, as indústrias, com margens ainda em recuperação, tentam pagar preços abaixo da referência pela arroba do animal terminado.

Do outro, pecuaristas resistindo, diante da oferta enxuta.

Este equilíbrio tem colaborado com o cenário de estabilidade de preços da arroba do boi gordo.

Diante do menor volume de abates, houve um enxugamento dos estoques, com valorização no mercado. O boi casado de animais castrados está cotado em R$9,39/kg.

Com a alta nos preços da carne com osso no mercado atacadista, as indústrias tiveram melhora das suas margens de comercialização.

A margem do Equivalente Scot Carcaça, que indica a receita das indústrias que vendem a carne com osso, frente ao preço pago pelo boi, está em 14,3%, recuperação de 13,2 pontos percentuais desde o início de agosto.

Veja também  Desempenho externo das carnes na 2ª semana de abril

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.