Nesta sexta-feira, não há mais alerta para temporais no sul do Rio Grande do Sul. Porém, o céu ainda fica cheio de nuvens sobre o centro-sul gaúcho.

Nestas áreas, ocorrem algumas aberturas de sol no decorrer do dia e a chuva acontece de forma isolada a qualquer hora de moderada a forte intensidade. Na metade norte do RS, sol e muitas nuvens na manhã e a partir da tarde chuva fraca a moderada e risco de temporais por toda Região Sul do país. Após a estiagem nos últimos dias de 2018 e começo de 2019, as chuvas dessa semana dão certo alívio para os produtores de soja do sul do país. Mas o Paraná ainda tem a situação mais delicada, mesmo com as precipitações isoladas, os danos para essa safra já são bem expressivos.

No Centro-Oeste do Brasil, o sol e o calor predominam, mas há expectativa de chuva isolada entre a tarde e à noite. Pelo nordeste de MT e oeste de GO chove a qualquer hora. A projeção do quarto levantamento de safra da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado nesta quinta-feira (10) já relata que a produção de soja de Mato Grosso do Sul no ciclo 2018/2019 deve cair 6,1% frente a da temporada passada. Além redução de investimentos nas lavouras outro motivo para a queda de produção é devido aos períodos de estiagem de dezembro que prejudicou muito as lavouras.

Na divisa entre MG e norte e leste de SP, há risco de temporais podendo comprometer as atividades de campo. Na maior parte da região sudeste, o sol e o calor ainda predominam do país, mas a partir da tarde as nuvens aumentam e provocam chuva isolada com raios. Segundo a Fundação Procafé, esta será uma das maiores safras de café do sul de Minas Gerais em ciclo de bienalidade negativo dos últimos anos.

Para o MA e TO, o tempo fica instável e entre a tarde e à noite chove de forma isolada de moderada a forte intensidade. Alerta para o centro e norte da BA e metade leste do PI, a umidade relativa do ar deve ficar em torno de 30%. As áreas agrícolas sofrem muito impacto com a umidade do ar, e valores tão baixos estarão castigando muito as plantas em campo. Além disso, essa condição de baixa umidade combinada com vegetação seca e ventos fortes, todo cuidado deve ser tomado quanto a prevenção de incêndios.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: